Facebook Twitter Google+ email



Após cabeleireiro negar corte a criança, barbearia no Água Boa é alvo de tiros


Esta postagem foi publicada em 13 de fevereiro de 2019 Carrossel de Notícias Topo, Destaque inicial 5.

Barbearia localizada na rua Adelina Rigotti, no Jardim Água Boa, em Dourados, foi alvo de disparos no início da noite de terça-feira (12/2). Dois homens, os irmãos Fernando Ferreira Pereira, 21, e Adalberto Ferreira Pereira, 27, são os principais suspeitos pelo crime. O primeiro está preso.

De acordo com a ocorrência registrada pelo casal proprietário do estabelecimento, homem de 39 e mulher de 25, recentemente ocorreu uma discussão por conta da negativa de se cortar o cabelo de um menino de 7 anos, parente das vítimas e dos autores.

Após o fato, os donos do salão disseram ter recebido ameaças de outro irmão da dupla, resultando no registro de ocorrência no dia 11 de fevereiro.

Já no dia seguinte, por volta de 19h30, o casal foi surpreendido com vários disparos no local. Testemunhas e as vítimas reconheceram Fernando e Adalberto.

Novo boletim de ocorrência foi registrado e policiais militares da Força Tática chegaram até a casa da sogra de Fernando, na rua Cândido de Carvalho, no Jardim Canaã III, na madrugada de hoje (13/2).

Questionado, ele negou qualquer participação no atentado. A moto utilizada pela dupla estava com ele e foi apreendida. A polícia ainda não localizou o irmão dele e nem a arma utilizada.

O rapaz acabou autuado em flagrante pela tentativa de homicídio.

Dourados News

Nenhuma banner para exibir

Notícias em Destaque