Facebook Twitter Google+ email



Bancário fica seis horas com explosivos amarrados ao corpo após assalto


Esta postagem foi publicada em 15 de janeiro de 2018 Brasil.

Resultado de imagem para fotos de Bancário fica seis horas com explosivos amarrados ao corpo após assalto

Esquadrão antibombas retirou artefatos após assalto a agência da Caixa durante a manhã

SÃO PAULO — Quatro criminosos amarraram explosivos no corpo de um bancário em uma agência bancária na Zona Sul de São Paulo e fugiram. De acordo com a Polícia Militar, o funcionário ficou com os explosivos amarrados ao corpo por seis horas.

A ocorrência começou por volta das 10h e só terminou às 16h50, quando o esquadrão antibombas retirou os supostos artefatos do corpo do gerente da Caixa Econômica Federal.

Os criminosos que assaltaram a agência fugiram antes da chegada da Polícia Militar. Segundo a corporação, o explosivo foi levado para a Polícia Federal, onde deverá ser periciado e destruído.

“Foi uma ação delicada porque envolver risco à vida da pessoa. Tudo durou cerca de meia hora para tirar o artefato, tudo dentro da técnica. Ele estava tranquilo, colaborou, não entrou em desespero”, disse o capitão Daniel Cossani, do Gate, ao site “G1”.

Facebook Twitter Google+ linkedin email More

Nenhuma banner para exibir

Notícias em Destaque